Maior avião comercial do mundo é aposta da Fly Emirates para rota entre Dubai e Guarulhos

A primeira aterrissagem em Guarulhos foi em 2015, na época ainda como Boeing, veio somente para exposição. Neste domingo (26), o A380 aterrissou pela primeira vez como um voo comercial, da empresa dos Emirados Árabes Unidos Fly Emirates. A aeronave estava prevista para chegar às 16h30, mas devido a um pequeno atraso, o avião chegou às 17h15, vindo da cidade de Dubai.

Para a chegada da aeronave, a Fly Emirates inovou, e na pintura do avião estavam representados animais como rinocerontes e elefantes. Durante a chegada do avião, também estiveram presentes o prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), o prefeito de Guarulhos, Guti (PSB), além do governador Geraldo Alckmin (PSDB).

A viagem entre Guarulhos-Dubai será de aproximadamente 15h, e a aeronave possui 14 assentos de primeira classe, 76 para a classe executiva 401 para econômica. As passagens para a classe econômica podem custar entre R$ 3 a 5 mil somente o trecho de ida, já primeira classe, pode chegar até R$ 50 mil.

Entre as mordomias da aeronave estão telas com mais de 2600 canais entre filmes, programas, músicas, jogos e videogames, além de um lounge bar voltado para a primeira classe junto com a executiva.

Reportagem: Ulisses Carvalho

Alemão que viveu por três meses em Cumbica embarca para seu país

Um carro saiu da porta dos fundos da delegacia da Polícia Federal no aeroporto e o levou à área de embarque. O alemão entrou antes de todos os passageiros. O voo estava marcado para às 18h15. Três membros do consulado alemão acompanharam Brode.

Ele havia sido detido na última sexta (24) para início do processo de deportação, após o vencimento do seu visto de turista (de 90 dias). A PF informou, no entanto, que a passagem foi paga pelo governo alemão, e o valor pago será ressarcido pela família de Brode.

Ele chegou em novembro do ano passado ao Brasil, vindo de um voo de Casablanca, no Marrocos. Ele faria uma conexão para Nova York e retornaria a Frankfurt, mas acabou perdendo a conexão. Como não conseguiu pagar para remarcar o voo, passou a viver no aeroporto de Cumbica.

Sem comida, o estrangeiro mexia nos cestos de lixo do aeroporto e espalhava sujeira pelo local. Também apresentava comportamento violento em alguns momentos, sendo flagrado por câmeras do aeroporto agredindo ao menos sete pessoas.
Sem nenhum registro de boletim de ocorrência das vítimas, o alemão não foi detido pelas agressões. Segundo a Polícia Civil, mesmo com os BOs, ele não seria preso por se tratar de um crime de menor potencial ofensivo.

Foto: TV Globo (Reprodução)

Internacional Eventos recebe show de tributo à Jovem Guarda

O Tributo à Jovem Guarda reunirá grandes artistas que darão ao público uma experiência inédita e histórica. Essa é a grande oportunidade para ouvir: Querida e Doce Doce Amor, sucessos de Jerry Adriani; O Milionário e Era um garoto que como eu amava os Beatles e os Rolling Stones, sucessos de Os Incríveis.

O show ocorre no espaço do Internacional Eventos, na antiga Phillips, e reunirá Jerry Andriani e Os Incríveis, que com estilo e boa música fizeram parte da trilha sonora da época, e ainda têm músicas marcantes que transitam na memória afetiva e no imaginário musical de muitas pessoas.

O tributo também irá homenagear Elvis Presley, que inspirou muitos artistas e fãs; Adam Roman, premiado cover do Rei do Rock, fará a abertura e uma participação especial.

O propósito do evento é o resgate de memórias e o estímulo ao convívio social, promovendo também a integração de gerações; com boa música e opções de bebidas e petiscos da época no bar. Quem for a caráter ganha brinde.

SERVIÇO:
TRIBUTO À JOVEM GUARDA
DATA: 01/04/2017
HORÁRIO: a partir das 16:00h (abertura dos portões)
LOCAL: INTERNACIONAL EVENTOS (ANTIGA PHILLIPS) – Rua João Cavalari, 133 – Ponte Grande/ Guarulhos/ SP
INGRESSOS: De R$50 a R$ 120 – Parcelados em até 6 vezes no cartão
VENDAS ON LINE: www.eventbrite.com.br (buscar Tributo Jovem Guarda)
ENTREGAS EM DOMICÍLIO: 11- 96689.0077
www.prazeremviver.com.br

Contra o Independente, Flamengo promove estreia de 3º técnico na Série A3

Quando os resultados não são os esperados, é comum e cultural no futebol os clubes apostarem na troca do comando técnico em busca de reverter o quadro negativo em que se encontram. Na zona de rebaixamento desde a primeira rodada, o Flamengo promove neste domingo (26) a estreia do diretor de futebol André Ricardo, o Andrezão, como seu 3º técnico no Campeonato Paulista da Série A3.

O dirigente, que deve ficar à frente do comando técnico da equipe flamenguista até o final da competição, integrou o elenco do Corvo que conquistou o título do Campeonato Paulista da Série A3 de 2008. Agora, o ex-zagueiro do Rubro-Negro guarulhense tem a missão de evitar a queda do time para a 4ª divisão do futebol paulista, a mesma em que se encontra o seu rival AD Guarulhos.

A estreia de Andrezão como técnico do Corvo acontece neste domingo (26), ás 10h, no estádio Antônio Soares de Oliveira, diante do também combalido Independente da cidade de Limeira (SP). Ambas as equipes brigam contra o rebaixamento. Enquanto o Flamengo ocupa a 18ª colocação com apenas 12 pontos, a agremiação do interior paulista segue na vice-lanterna com 7 pontos.

O escrete guarulhense começou o certame estadual sob o comando do técnico Rogério Delgado, remanescente da campanha de 2016, que deu lugar ao experiente Fahel Júnior. No entanto, a velha máxima do futebol voltou a prevalecer e Fahel acabou demitido pelo Flamengo na última quinta-feira (23).

“O Flamengo de Guarulhos é muito grato ao trabalho que foi introduzido pelo Fahel Junior. Entretanto, devido ao atual contexto, decidimos, conjuntamente, iniciar um novo ciclo no comando técnico”, disse Edson David Filho, presidente do clube.

Reportagem: Antônio Boaventura

Pacientes enfrentam falta de medicamentos na farmácia de alto custo, do governo de SP

Não é apenas na rede municipal que o usuário do sistema público de saúde encontra dificuldades para ter o medicamento necessário para realizar o seu devido tratamento. Na farmácia de alto custo, administrada pelo governo do estado, pacientes encontram dificuldades para encontrar os remédios Alenia, Brimonidina e Bimatoprosta. Secretaria de Saúde do Estado promete regularizar o fornecimento destes remédios nos próximos dias.

Este é o caso do aposentado José Paulo Cardoso, 77 anos, que sofre de doença pulmonar obstrutiva crônica. Ele necessita do remédio Alenia, que tem custo de até R$ 130,00 e não encontra o mesmo há pelo menos três meses. Segundo a Secretaria da Saúde do Estado, o referido medicamento deve estar disponível na unidade guarulhense nos próximos dias e alega problemas na logística de distribuição do fornecedor pela falta.

“Faz mais de três meses que esses medicamentos estão em falta na farmácia de alto custo aqui de Guarulhos na Emilio Ribas”, disse a metalúrgica Paula Bulamarkki, 39 anos, filha de Cardoso, que revela ter de suprir financeiramente com os custos referentes à aquisição dos medicamentos.

Já Joana Cardoso, 67 anos, também aposentada, precisa dos colírios Brimonidina e Bimatoprosta. Ambos custam aproximadamente R$ 70,00. Ela também alega encontrar dificuldades para obter os medicamentos para a realização de seu tratamento contra catarata, glaucoma, retinopatia diabética. Joana já perdeu 80% dá visão de um olho.

“Meus pais recebem salario mínimo e não tem condições de comprar. Eles têm outros remédios para tomar fora as despesas do mês com alimentação, água, luz, telefone, empréstimo no banco. No mês que vou buscar e não tem, eu e meu filho compramos. Isso porque eles não podem ficar sem os remédios de uso continuo”, disse.

O Núcleo de Assistência Farmacêutica informa que não procede a informação de falta do medicamento Bimatoprosta. O SUS (Sistema Único de Saúde) distribui mais de 1.000 tipos de medicamentos em diferentes apresentações no Estado de São Paulo e alguns fatores, alheios ao planejamento da pasta, podem ocasionar desabastecimentos temporários, como aumento inesperado de demanda (acima da margem de segurança prevista).

Reportagem: Antônio Boaventura
Foto: Ivanildo Porto

Alemão que vive há três meses no aeroporto deverá ser deportado neste domingo

A Justiça Federal aprovou nesta sexta-feira (25) a deportação do alemão Stephan Brode, 44, que está vivendo há cerca de três meses no aeroporto de Cumbica, em Guarulhos (na Grande SP), após perder seu voo. Ele deve embarcar para seu país no próximo domingo (26), segundo a Polícia Federal.

Brode foi detido por policiais federais por volta das 20h, após a Justiça expedir mandado de prisão. Caso o governo alemão assuma a responsabilidade pelo estrangeiro, ele será acompanhado por agentes brasileiros apenas até o avião, onde será entregue por agentes alemães, que o acompanharão até seu país.

Brode chegou em novembro ao Brasil, vindo de um voo de Casablanca, no Marrocos. Ele faria uma conexão, seguiria a Nova York e retornaria a Frankfurt. Ele, porém, teria perdido a conexão, não conseguiu pagar para remarcar o voo e vive no aeroporto de Cumbica desde então.

Sem comida, o alemão mexe nos cestos de lixo do aeroporto e espalha sujeira pelo local. Também apresentou comportamento violento em alguns momentos, sendo flagrado por câmeras do aeroporto agredindo ao menos sete pessoas. Ao “Jornal Hoje”, da TV Globo, Brode negou qualquer agressão. “Não sou boxeador”, disse.

Sem nenhum registro de boletim de ocorrência das vítimas, o alemão não foi detido pelas agressões. Segundo a Polícia Civil, mesmo que isso ocorresse, ele não seria preso por se tratar de um crime de menor potencial ofensivo.
A administração do aeroporto informa que não tem poder de polícia para interferir na situação, mas que monitora por 24 horas a circulação de Brode no local, reportando aos órgãos de segurança competentes.

Na última quinta, o Consulado Geral da República Federal da Alemanha disse, em nota, que está cuidando do caso, mas que não divulgará informações para preservar a privacidade de Brode.
“Oferecemos todo o apoio consular possível. Mantemos um contato estreito e cooperamos com todas as autoridades brasileiras competentes”.

Foto: Reprodução GloboNews

Operação Força Total registrou a prisão de 42 pessoas, aponta balanço final

A Operação Força Total III, divulgou o balanço oficial nesta sexta-feira (24), com 42 pessoas presas, 11 adolescentes apreendidos e 36 procurados presos. A Força Total III começou às 15h desta quinta-feira (23), e terminou às 22h, com diversas ações entre as forças integradas, como bloqueio nas estadas, a busca de drogas no Aeroporto Internacional de Guarulhos e o patrulhamento intensificado em regiões mais críticas.

Para a realização da operação, toda a concentração ocorreu na Base Aérea de Cumbica, hoje conhecida como Ala 13, às 13h, sendo o local de extrema importância para manter o sigilo da ação dos policiais. Após a reunião, todos os 1009 agentes saíram para a operação, contando com o apoio das delegacias de Guarulhos, Arujá e Santa Isabel.

Foram 5.582 pessoas abordadas, 12 veículos removidos e 28 motos removidas. A Polícia Militar abordou durante patrulha pela região central, dois homens com passagem pelo sistema penitenciário, que carregavam um notebook. Ao questionar sobre o computador, os dois confessaram que haviam acabado de roubar de uma loja na avenida Tiradentes. Os dois homens foram encaminhados ao 6º DP, onde o delegado concedeu voz de prisão por roubo consumado.

Já a Polícia Rodoviária Federal, apreendeu mais de 20kg de maconha na Rodovia Presidente Dutra, em Arujá. Nesta operação, dois homens foram presos após tentativa de fuga da polícia que acabou com a colisão do veículo.
No interior do carro, foram encontrados diversos tabletes, que totalizaram 20kg de maconha. Os dois ocupantes foram presos por tráfico de entorpecente. A Guarda Ambiental flagrou dois pontos de criação irregular de pássaros silvestres, nos bairros Vale dos Machados e outro no Jardim Marilena.

Dos 52 procurados pela Justiça, 36 pessoas foram presas pela equipe da Força Tática. No Jardim Otawa, a Polícia Militar realizou uma operação contra o tráfico na rua Vambês, com a apreensão de 38 pedras de crack, 18 trouxinhas de haxixe, 34 trouxinhas de maconha e R$ 143 em espécie.
A coletiva ressaltou o combate à criminalidade, além dos resultados atingidos com a integração entre todas as forças para evitar as constantes situações de roubo de cargas e tráfico de drogas.

Confira os números da operação:
5.582 pessoas abordadas
63 estabelecimentos vistoriados
61 ocorrências em DP
09 atos infracionais
42 pessoas presas
11 adolescentes apreendidos
36 procurados capturados
1,729 kg de cocaína
0,85 kg de crack
46,542 kg de maconha
0,018 de outras drogas
663 moedas
245 cigarros
500 produtos químicos
711 auto de infração de trânsito
15 CLA apreendidas (documentos de veículos)
11 CNH apreendidas
715 autos vistoriados
686 motos vistoriadas
127 coletivos vistoriados
67 veículos de cargas vistoriados
12 autos removidos
28 motos removidas
01 coletivo removido
01 veículo de carga removido
04 autos de infração ambiental
7.450 cds/dvds apreendidos
817 peças de roupas falsificadas
01 carga recuperada (R$ 230.000,00)

Reportagem: Ulisses Carvalho
Foto: Ivanildo Porto

Vereador apresenta projeto que limita horário para carro-forte em Guarulhos

Assim como nas cidades de Piracicaba (SP), Iracemápolis (SP), Limeira (SP) e Campina Grande (PB), que por força de lei determinam que carros-fortes operem fora do horário do expediente bancário (das 10h ás 16h), o vereador Eduardo Barreto pretende trazer a medida para a cidade de Guarulhos. Sua proposta deve ser votada pelos parlamentares da Câmara Municipal na próxima semana.

A sugestão tem como propósito oferecer maior segurança aos usuários do sistema bancário como agências, lotéricas, caixas 24 horas e outros agentes financeiros. De acordo com o projeto elaborado, Barreto destaca que as cidades onde a legislação foi implantada o número de crimes relacionados a estes estabelecimentos teve uma redução considerável.
Nele, o vereador afirma, sem revelar os dados, que são várias ocorrências envolvendo os carros-fortes na cidade a pessoas que eventualmente utilizam o mesmo ambiente em que está sendo realizada a respectiva operação de transporte de valores.

Caso a lei seja aprovada pelos vereadores e devidamente sancionada pelo prefeito Guti (PSB), a mesma prevê uma multa de pouco mais de R$ 6 mil reais para quem descumprir. No caso de reincidência, o valor da infração dobra.
“Temos observado várias ocorrências Brasil a fora, de carros fortes sendo assaltados no momento em que estão abastecendo ou recolhendo dinheiro das agências bancárias, casas lotéricas e até de caixas eletrônicos em supermercados. Com essa limitação de horário conseguiremos diminuir os riscos para a população guarulhense”, afirmou o vereador Barreto.

Reportagem: Antônio Boaventura

Secretaria do Trabalho oferece cursos gratuitos

Nos dois casos, será oferecido ao aluno um kit com material que inclui apostilas, bolsa, caderno, caneta, lápis e borracha, lanche diário e bolsa-auxílio, este último para aqueles que cumprirem os quesitos exigidos como, por exemplo, não estar recebendo seguro-desemprego, benefício do INSS, entre outros.

Para a turma de auxiliar de cozinha serão oferecidas 30 vagas. É necessário ter, no mínimo 18 anos de idade e Ensino Fundamental que pode ser incompleto. Já para o curso de atendimento e recepção, também com 30 vagas, exige-se idade mínima de 16 anos e Ensino Médio que pode ser incompleto.

As aulas dos dois cursos terão início no dia 10 de abril e término em 7 de maio. Ambos têm um total de 160 horas/aula divididas em conteúdo específico, técnico, profissional teórico e prática. As aulas têm 4 horas de duração diária, de segunda a sexta-feira.

Serviço:

Inscrições para os cursos Auxiliar de Cozinha e Atendimento/Recepção

A partir de 23/03

Das 9 às 12h, e das 13 às 16 horas

Secretaria do Trabalho: prédio anexo ao Adamastor, na avenida Monteiro Lobato, 734 – Macedo